Resposta

Paciente jovem com lesão tumoral mandibular. Qual é a principal hipótese de diagnóstico ?

  - Ameloblastoma unicístico

  - Ameloblastoma convencional/multicístico

  - Ceratocisto odontogênico

X- Todas as alternativas acima

Imagem microscópica do tumor após a sua enucleação

 

Comentário:

Nesse caso, todas as alternativas devem ser consideradas, uma vez que a imagem radiográfica unilocular não descarta a hipótese de ameloblastoma convencional/multicístico. Embora o ameloblastoma convencional tenha maior prevalência, a suspeita de ameloblastoma unicístico é reforçada pelo fato do paciente ser jovem.  Clínico-radiograficamente sabe-se que o ceratocisto odontogênico pode ser confundido com o cisto dentígero e, porquanto, deve ser considerado para o diagnóstico diferencial. Curiosamente, após a enucleação total da lesão, o exame histopatológico da peça cirúrgica, revelou áreas de invasão da cápsula e múltiplas áreas císticas evidenciando que se trata de uma lesão unicística em transição para a variante convencional/multicística/infiltrativa. Embora o tratamento tenha sido conservador, não houve recidiva.  Notadamente, o caso apresentado ilustra a dificuldade em se emitir um diagnóstico diferencial destas variantes clínicas de ameloblastoma, sendo imprescindível  o exame microscópico da peça cirúrgica para fazê-lo.


Prof. Ricardo Santiago Gomez
- Professor Titular da Disciplina de Patologia Bucal da Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Minas Gerais.
- Coordenador do Laboratório de Patologia Molecular da Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Minas Gerais.

Orientador no Programa de Pós-Graduação em Medicina Molecular da UFMG

Orientador no  Programa de Pós-Graduação em Odontologia da UFMG

Link para o Currículo Lattes:

https://lattes.cnpq.br/5760422122697584

Trabalhos indexados no PUBMED